Piracaia>>Pontos turísticos>>Pedra do Lobisomem

Um granito um tom alaranjado de 54 metros Própria para a prática de escalada em rocha. O Visual do alto da Pedra é muito amplo e bonito.
Avista-se a rocha da estrada que liga Piracaia a Joanopólis, ela está do lado direito de quem vem de Piracaia, logo após um condomínio fechado. O acesso deve ser feito pela parte frontal atravessando uma pequena propriedade. Deve-se também pedir licença antes de ir entrando.

Por ainda não possuir uma trilha demarcada, a pequena caminhada torna-se morosa e um pouco cansativa, mas não há como se perder, é só ir reto. Em breve estaremos definindo o melhor caminho. Boas escaladas.


Vias da esquerda para direita :

“Sem Nome I”
Tadeu A. Loppara - Só com a cabeça de via da última enfiada, ainda não é apropriada para o "top rope" por ainda possuir pedras soltas. Em fase de finalização.

“Um Lobisomen paulistano em Joanópolis”
Tadeu A. Loppara e Samuel - 6 , VIIa, duas enfiadas, 25m e 29m - proteções de chapeletas com "bolts" de 7cm e cabeças de via dupla. Via razoavelmente técnica, com o crux na segunda enfiada, onde o bom uso da oposição e o perfeito entalamento do pés são fundamentais.

“Curupira Convidou a Cuca para Comer Cocada”
Tadeu A. Loppara, Samuel, Guilherme e Rodrigo Roman - "5c", Vsup / duas enfiadas, 25m e 29m - proteções de chapeletas com "bolts" de 7cm e cabeças de via dupla. Tranqüila e bem protegida, exige pouca força, crux na primeira enfiada.

“Sem Nome II”
Tadeu A. Loppara - Disponível por enquanto só em "top rope", as suas duas cabeças de via podem ser acessadas por cima através de ancoragem em árvore. O grau sugerido por enquanto é 6, VII. Microagarras e aderência. Em fase de finalização.

“Sem Nome III”
Tadeu A. Loppara - Disponível por enquanto só em "top rope", somente na primeira cabeça via. Pode ser acessada por cima através de ancoragem em árvore. Sem sugestão de grau. Em fase de finalização.

“Transilvânia”
Tadeu A. Loppara e João Paulo “Johnny” - na primeira enfiada, ainda não grampeada, um 5 grau, a segunda toda em móvel (pode ser acessada por cima por ancoragem em árvore) temos um A1 ou 5 grau. Fendas boas e confiáveis permitem boas colocações de móveis. Levar um jogo de "friends" pequenos e médios e um jogo de hexentriques. Primeira enfiada em fase de finalização.

“Cocos, aranhas e água benta”
Tadeu A. Loppara, Fernando, Guilherme e Samuel A1 - 5sup, VIIc / duas enfiadas, 18m e 24m - proteções de chapeletas com "bolts" de 7cm e cabeças de via dupla. Via mista que pode ser feita sem a colocação de móveis esticando um pouco os lances. Difícil logo no início com um lance saindo de um pequeno negativo, para um entalamento de pé numa fenda rasa, mas o crux mesmo fica na última enfiada num lance quase de contorcionista. Levar "friends", nuts e hexentriques pequenos.

 
Copyright © Victoryannas imóveis - todos os direitos reservados
R. Guilherme Léo , 44 - Centro - Piracaia - São Paulo Fone : (5511) 4036-3993